vitamina d

7 sinais que você pode estar com carência de vitamina D

A vitamina D é uma das mais importantes para o organismo. Ela é recebida por todas as células e é responsável pelo funcionamento do sistema imunológico, da produção de hormônios e até do humor, além de determinar os níveis de cálcio absorvido no sangue – o que pode deixar dentes e ossos mais fortes. Ela pode ser encontrada em alimentos, mas a principal fonte da vitamina é a luz do sol.

Apesar de ser tão essencial, a deficiência dessa vitamina é extremamente comum. Estima-se que 1 bilhão de pessoas no mundo todo sofram com isso e, na maioria das vezes, os sintomas não são percebidos até que estejam fortes demais para serem ignorados.

Sintomas da deficiência de vitamina D

Com uma vida tão corrida e que normalmente exige muito tempo dentro de estabelecimentos e de casa, grande parte da população fica longe do sol. Esse é o principal fator para a carência da vitamina, que atua como um hormônio no corpo. Consequentemente, os sinais que o organismo dá são dos mais variados, sendo os mais notáveis:

  1. Fadiga e sonolência: o cansaço constante e sem explicação pode ocorrer por uma série de razões, mas a falta da vitamina D é uma delas. Essa fadiga pode ser observada durante o dia, mesmo depois de uma boa noite de sono.
  2. Fraqueza e dores: a fraqueza nos músculos e nos ossos é um indicativo, bem como dores frequentes, especialmente nas costas.
  3. Depressão: pessoas com deficiência da vitamina são mais propensas a apresentarem quadros de depressão. Alguns estudos mostraram uma maior relação entre os dois fatores em mulheres e nos meses mais frios do ano.
  4. Doenças frequentes: ficar doente com muita frequência indica um sistema imunológico comprometido, que pode estar assim por conta da carência vitamínica. As doenças intestinais são as mais comuns, como intestino irritável ou colite.
  5. Problemas na saúde bucal: doenças como gengivite, acúmulo de placa, sangramento e enfraquecimento dos dentes podem ocorrer com mais facilidade.
  6. Pressão alta: como a vitamina atua no sistema cardíaco e estimula a circulação do sangue, sua falta pode causar o aumento da pressão arterial.
  7. Dificuldade de cicatrização: a deficiência está relacionada à dificuldade de cicatrização, que pode ser percebida após cirurgias ou lesões acidentais, por exemplo. Isso porque a vitamina é importante para o processo de criação de novos tecidos.

Fatores de risco

A vitamina D é solúvel em gordura, o que faz com que pessoas acima do peso precisem de maior absorção para compensar. Pessoas negras também necessitam de mais tempo sob o sol, assim como qualquer um que passe muito tempo dentro de ambientes fechados ou que viva longe do equador, já que há pouco sol durante o ano nesses locais. Se você estiver suspeitando de uma deficiência, consulte um endocrinologista.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como endocrinologista em Goiânia e Anápolis!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp